<$BlogRSDUrl$>

11.7.05


[vésper[a]

o fígado fisga
ao engolir saliva

ela foge
e finge
nem saber
da vista

o corte sem capote
alcança a crista

ela morde em
mármore en-
gole carne
desmolde

entende que a verdade
atende a quem invade
e veste
a pele do vazio
ao cair a tarde.
07/05
PFC

|
|

This page is powered by Blogger. Isn't yours?